Teatro e Marionetas de Mandrágora

mete medo ao susto

espetáculo de embalar em cena

a origem do medo, o Medo com letra grande, o medo palpável, o medo irracional, o medo de ter medo, o medo de não ter medo e as suas consequências...

M.6 . 00h45
mete medo ao susto
mete medo ao susto
mete medo ao susto
mete medo ao susto
mete medo ao susto
mete medo ao susto
Uma viajante caçadora de medos, conseguiu juntar no seu gabinete todos os medos que apresenta com grande orgulho. São seres: uns bichos, outros bicharocos, bizarros e estranhamente loucos. Mas como ninguém gosta de ter um medo, eles sentem-se sós e deixam-se apanhar.
Quando acontecem estes momentos de encontro com as pessoas grandes e pequenas, que curiosas os vêm observar, são dias em que eles podem confirmar que o medo é algo de bom, porque faz arrepiar, respirar, rir e gritar. Esses são dias de festa, a festa dos medos. Os medos também têm medo e ter medo também é bom, mas ninguém quer apanhar um susto. O susto não tem medo e eles bem tentam meter-lhe medo, mas ele só se assusta porque medo não tem.

Através da narrativa popular e através da comunicação com jovens públicos vamos à descoberta do ponto de origem de distintos receios que se convertem em medos e posteriormente em condicionais comportamentais e até mesmo traumas.
Quais os medos inevitáveis? Quais os medos que podemos enfrentar para se tornarem meramente em desafios ultrapassáveis.
É uma criação teatral para jovens públicos que coloca o espetador perante desafios através de uma narrativa simbólica e povoada de imagens e sons, desmistificando muito do imaginário popular e capacitando o espetador a estar na criação como agente ativo. É também uma viagem sensorial onde criamos um jogo com a luz, o som e sobretudo com a carga simbólica dos objetos. Será inevitável termos medos transversais pertencentes à matriz do ser humano. Será que em cada sítio, local, país e continente do mundo, uma criança tem os mesmo medos que a sua vizinha? Será essa matriz humana transversal? Deste modo a criação da dramaturgia será alicerçada no diálogo com crianças em distintos continentes onde nos une a proximidade da língua portuguesa.

atividades paralelas

colaboradores . parceiros . coprodutores

vídeo

ficha artística

ENCENAÇÃO E INTERPRETAÇÃO Filipa Mesquita
CONSULTADORIA ARTÍSTICA Clara Ribeiro
ACOMPANHAMENTO enVide neFelibata
CENOGRAFIA Cirilo Reis, Vânia Kosta
MARIONETAS E FIGURINO Vânia Kosta
ADEREÇOS EM COURO José Machado
MÚSICA CÉNICA Fernando Mota
DIREÇÃO TÉCNICA DE LUZ E SOM César Cardoso
FOTOGRAFIA PROMOCIONAL Margarida Ribeiro
VÍDEO PROMOCIONAL Paulo Pinto
DESIGN Paulo Sá, Rúben Gomes
PRODUÇÃO EXECUTIVA Hélder Duarte
PRODUÇÃO Teatro e Marionetas de Mandrágora
COLABORADORES EB1 Vila do Conde - Escola Básica nº1 de Vila do Conde (Professora Isabel Leão, Portugal), CAFE de Ermera - Centros de Aprendizagem e Formação Escolar de Timor-Leste (Mariana Gomes, Timor-Leste), ODEI - Organização para o Desenvolvimento e Educação Infantil (Sr. Culpa, Moçambique), Portugarte - Arte independente portuguesa (Elisa Vilaça, Macau), Grupo Sobrevento (Luís André Cherubini, Brasil)
APOIO República Portuguesa - Cultura, DGARTES – Direção-Geral das Artes, Município de Espinho/Câmara Municipal de Espinho, Município de Gondomar, Município de Vila do Conde
AGRADECIMENTOS Carla Branco
RESIDÊNCIA ARTÍSTICA esta criação foi concebida em residência artística no Teatro Municipal de Vila do Conde

download

METE MEDO AO SUSTO - CADERNO 11.07.2023 WEB.PDF 2 Mb
METE MEDO AO SUSTO - CADERNO 11.07.2023.PDF 3.8 Mb
METEMEDOAOSUSTO - CLASSIFICAÇÃO ETÁRIA.PDF 152.7 Kb
METEMEDOAOSUSTO - FOLHA DE SALA A5 - PNG.ZIP 2.4 Mb
METEMEDOAOSUSTO - FOLHA DE SALA A5.PDF 76.9 Mb
METEMEDOAOSUSTO - IDENTIDADE GRAFICA.ZIP 811 Kb
METEMEDOAOSUSTO - RIDER TÉNICO.ZIP 16.8 Mb
METEMEDOAOSUSTO - ROLL-UP.ZIP 146.7 Mb
ARQUIVO IMAGEM PROMO I 61.9 Mb
ARQUIVO IMAGEM SESSÃO FOTOGRÁFICA 793.1 Mb
ARQUIVO IMAGEM PROMO II 54.1 Mb
ARQUIVO IMAGEM PROCESSO DE CRIAÇÃO 1.4 Mb
ARQUIVO IMAGEM ENSAIOS 323.6 Mb
ARQUIVO IMAGEM MONTAGEM 80.2 Mb
ARQUIVO IMAGEM VERNISSAGE 422 Mb
ARQUIVO IMAGEM RECEBIDAS 13 Mb
ARQUIVO IMAGEM IMPLEMENTAÇÃO NO ESPAÇO 57 Mb

histórico

+ INFO
^